terça-feira, 21 de setembro de 2010

Temporary Autonomus Zone – TAZ

Zona Autônoma Temporária, de Hakim Bey

“A TAZ é uma espécie de rebelião que não confronta o Estado diretamente, uma operação de guerrilha que libera uma área (de terra, de tempo, de imaginação) e se dissolve para se re-fazer em outro lugar e outro momento, antes que o Estado possa esmagá-la...”


video


“Uma vez que o Estado se preocupa primordialmente com a Simulação, e não com a substância, a TAZ pode, em relativa paz e por um bom tempo, “ocupar” clandestinamente essas áreas e realizar seus PROPÓSITOS FESTIVOS”

video

Breve,

em uma praça qualquer pertinho de você

3 comentários:

Bruno Bennedetti disse...

Gentile, seu sacana! (rs)

Hehehe!

Nós, mais uma vez divagando sobre a vida e sobre o teatro.

Estou honrado por ocupar um espaço tão precioso no Blog dos Orelhas e é para vocês que lanço as mais humildes...

Saudasções dos Cotonetes!

VIVA!

Bruno Bennedetti disse...

O artista mencionado na conversa sobre o espetáculo adulto da Truks é o Magritte.

Anônimo disse...

Gosto do sabor da conversa
das palavras que nossos passos produzem
da escuta do teatro
do olhar das bocas e da inversão de valores, ja que valores são invertidos por um sistema operacional
ao invés da paz vamos dar um zap!!!!

Rodrigo Pignatari, sobrinho do décio

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...